Silent Hill e Sua Continuação Intragavél 3D

Conseguiram ferrar com uma franquia que começou bem!

Por que Resident Evil é uma Franquia de Filmes Ruins

Descubra por quê você não deve assistir a essa franquia de filmes.

Especial (ATRASADO) de Páscoa

E foi em uma manhã de Páscoa que Megaman passou a fazer parte da minha vida.

UZUMAKI

Esqueça Naruto e se prepare para o terror.

Filmes Pra Chorar #01

Procurando se emocionar? Então confira as dicas!

Spec Ops: The Line

Um dos melhores games de 2013, e você precisa conhecer!

Brothers: A Tale of Two Sons

Prepare-se para uma viajem inesquecível, mas não esqueça dos lenços!

15/09/2014

Bora Zerar: Shinobi #02

Trago a vocês a segunda parte do meu detonado, espero que gostem e se divirtam. Não estranhem a demora entre um e outro gameplay, pois jogo e faço as gravações no meu pouco tempo livre.


Na batalha contra o chefe dessa fase rola um bug que nunca havia visto em todos esses anos.


Gostou do conteúdo do blog? Então não perca nenhuma novidades me seguindo nas redes sociais abaixo;

Twitter: https://twitter.com/Cyber_Woo 
Facebook: https://www.facebook.com/ArquivosDoWoo

03/09/2014

Filmes Para Chorar #01


O homem que diz não chorar, provavelmente nunca levou um chute na pélvis ou assistiu a "Rei Leão" - Um clássico que levou crianças e adultos as lágrimas.

Obviamente que todos choramos, basta ser provido de sentimentos, porém, temos dias em que procuramos por filmes que possam despertar esse lado mais sensível, então trago a vocês alguns títulos que os levaram as lágrimas.

Começaremos com uma história baseada em eventos reais;




Animais fofinhos são uma das melhores formas de atingir o coração de pedra daquele seu parceiro carrancudo e metido à cabra macho. Isso se ele realmente tiver um coração.


Sempre ao seu lado conta a história de amor e lealdade de um cão da raça Akito e um professor universitário. 

A relação tem inicio quando Parker (O professor) encontra Hachi (O cão) em uma estação de trem e com pena do cachorrinho, acaba por o levar para casa. Desde então, Hachi o acompanha todos os dias a estação de trem pela manhã e sempre está lá quando o mesmo retorna e... 

Não posso contar mais nada, pois você precisar assistir, é lindo! 

Se você ou seu namorado(a) não chorar com esse filme, espere-o adormecer e jogue óleo quente em suas partes intimas. tenho certeza de que ele é um pedaço de madeira, pois é impossível não se comover com esse filme.

Eu fico deprimido só de lembrar... Maldito suor masculino que não para.

Só a fofura do cachorro quase que me obriga a dedicar meu tempo para assisti-lo novamente, mas vamos deixar um pouco o Hachi de lado e partir para uma jornada em busca da cura para a Aids.


Eis um filme que desabei em lagrimas quando ainda criança, e até mesmo nos dias de hoje eu choro sempre que revejo.

O filme nos conta a história de Erik, um garoto solitário que se torna o melhor amigo de Dexter, um garoto de 11 anos com HIV.

Após descobrirem que um médico alega ter descoberto a cura do HIV, juntos se lançam em uma jornada a fim de curar Dexter. Enquanto tentam chegar ao estado onde o médico reside, Dexter e Erik planejam as novas aventuras que poderão realizar após a cura durante todo o caminho.

Homens se emocionaram como se estivessem assistindo ao final de um campeonato de futebol, não tenho dúvidas. Não sintam vergonha, pode empoar o nariz na camisa e mostrar a namorada, pois isso é motivo para se orgulhar, você tem sentimentos, não é um pedaço de pau.

Infelizmente o filme não parece ser tão famoso por aqui,  mas ele emocionou muita gente durante a sessão da tarde. E se você ainda não foi emoção o suficiente para o seu coração, então assista ao filme...


Uma história comovente e que provavelmente fara com que seu parceiro abrace o travesseiro fortemente contra o peito e chore baixinho por dias.

O responsável por essa película nada mais é que o grande Clint Eastwood, que apesar de ter testosterona o suficiente para repovoar o planeta terra 3 vezes, também possui uma sensibilidade e delicadeza incrível e como diretor consegue transportar isso para a tela.

O filme aborda o encontro de Butch Haynes (Kevin Costner), um fugitivo da prisão que ao invadir uma casa acaba topando com o pequeno Phillip de 7 anos e o leva como refém. Enquanto Butch tenta fugir do detetive Red, um laço de amizade entre os dois desenvolve.

Esse filme é garantia de lágrimas aos montes!

Mas se não for o suficiente para amolecer essa pedra cabeluda que você carrega no peito, se prepare.


Recém-casal compra um cachorro e a partir dai iremos acompanhar o crescimento de Marley e a forma em como ele afeta a vida do casal.

Um filme tocante e que irá marcar a todos, particularmente eu não quis assistir ao filme na primeira vez ou ler o livro (pensei que fosse uma história bobinha), mas ao descobrir que é baseado em eventos reais, resolvi dar uma chance, então assisti e posso dizer a vocês que é uma lição de vida.

Você vai sorrir, gargalhar, ficar apreensivo mas no final vai se emocionar pra valer, caso não seja uma pedaço de pau...



Se você quer chorar logo de cara, então assista essa magnífica animação, e que conta com a memorável dublagem de Chico Anysio.

O longa nos conta a história de Carl, um idoso que vem levando uma vida amarga e solitária desde o falecimento de sua esposa, mas que decidi sair em uma aventura, só para realizar um sonho a muito atrasado, da falecida.


Você deve estar se perguntando "Cara, onde esta a tristeza?"


O inicio do filme conta a infância de Carl, desde o encontro com sua esposa até o triste adeus, então lhe alerto, que apesar de ser uma animação maravilhosa, o inicio é extremamente emocionante.



Esse é um dos filmes mais tristes que assisti até os dias de hoje, e não adianta citar nenhum romance brega, pois ele não supera essa obra prima.

O filme conta a história de Joseph Merrick, britanico que nasceu com uma doença rara e que causava deformações brutais em cerca de 90% do corpo dele. Ainda jovem fugiu de casa devido aos maus tratos da madrasta, o que o levou ao circo de aberrações, onde depois de um longo tempo, teve contato com o médico Frederick Treves, que ofereceu ajuda ao pobre rapaz.

Eu chorei durante todo o filme, mal conseguia conter as lágrimas ou dizer qualquer palavra enquanto o assistia. É um filme que fara você refletir sobre diversos pontos de sua vida e talvez mude a sua vida, pois a minha ele mudou.





Se você ainda não se recuperou do soco emocional que levou com Homem Elefante, então nem veja esse filme - Agora, se você ainda não chorou o suficiente, então se prepare para um dos mais belos e triste trabalho de Robert De Niro e Robin Williams (Que Odin o tenha!), pois esse daqui é hardcore.

O filme narra a história de Malcolm Sayer, um neurologista que conseguiu emprego em um hospital psiquiátrico. Lá ele topa com alguns pacientes que estão a anos em um estado de catatonia.Porém, desconfia que eles estão apenas adormecidos e depois de algumas pesquisas desenvolve uma droga que os traga de volta, a L-DOPA.

Sayer cria afeto por Leonard Lowe, sendo ele o primeiro paciente a passar por esse tratamento. O tratamento funciona e gradualmente Lowe começa a conhecer os pequenos prazeres da vida.

Esse filme é baseado no livro de Oliver Sacks, que seria o real Malcolm Sayer e foi escrito nos tempos em que trabalhou no hospital.


Essa foram algumas dicas de filmes para você que gosta de se sensibilizar, então espero que tenham gostado e até a próxima.

16/08/2014

SECRET: A Mais Nova Ferramenta do Covarde!



Recentemente o aplicativo SECRET se tornou o novo queridinho dos jovens e pervertidos, pois supostamente ele oferece um ambiente seguro para você falar mal da mãe, pai, vó, tia e até da sogra. Tudo de forma anônima, sem oferecer constrangimento para o difamador.
Obviamente que isso se tornou uma ferramenta para o "Porno Revenge". E como babacas amam anonimato, você conseguira encontrar muitas imagens por lá.

Com o aplicativo é possível enviar texto anexadas a imagens sem apresentar o nome do destinatário ou a origem. 

Tive conhecimento do aplicativo através de um amigo e me espantei em saber que o maior motivo das pessoas instalarem o aplicativo era a possibilidade de ver fotos de garotas nuas, disponibilizadas por seus ex-conjugues e ex-parceiros.

Como se não bastasse os meios públicos de o fazer, ainda surgem ferramentas como essas que incentivam pessoas covardes a cometerem esse tipo de crime. Sim, considero um crime expor seja lá quem for dessa forma. Se alguém confiou em você o suficiente para presenteá-lo com putaria, isso significa que foi depositado confiança em você seu animal - Expor a vida privada de alguém de forma irresponsável, somente para acalmar seus demônios é a coisa mais egoísta que você poderia fazer com a pessoa que um dia dividiu sentimentos contigo.




Eu poderia ficar horas e horas justificando o quanto é babaca esse tipo de atitude, mas não tenho tanta paciência assim.

Algumas pessoas definitivamente acreditam que a internet é livre e aplicativos como o SECRET só contribui para esse tipo de pensamento. Oferecer "anonimato" não é uma boa alternativa quando a grande maioria quer extravasar o ódio contido do dia-a-dia.

Felizmente o aplicativo pode ser retirado do país por ferir as leis locais e o famoso Marco Civil.

Fonte: http://tecnologia.uol.com.br/noticias/redacao/2014/08/13/secret-cria-polemica-ao-prometer-anonimato-acao-visa-proibir-o-aplicativo.htm

Há alguns sites explicando como desvincular o usuário de suas postagens, mas não fiquem tão felizes. Seus dados ainda estão lá e de acordo com sua ações, a justiça pode pedir sua cabeça.

Bem vindo ao mundo real seu filho-da-puta!

15/08/2014

Bora Zerar: Shinobi #01

Fala galera! Hoje trago a vocês o primeiro vídeo de uma série gameplays de Shinobi. Jogarei ele até o fim, se a paciência permitir.

Sei que o blog anda meio devagar, mas calma, pois novos artigos estão em andamento, então até lá fiquem com o gameplay.



Gostou do conteúdo do blog? Então não perca nenhuma novidades

Twitter: https://twitter.com/Cyber_Woo
Facebook: https://www.facebook.com/ArquivosDoWoo

10/07/2014

5 Motivos Para Você Comprar um Playstation!



O PlayStation foi lançado no Japão em 1994, chegando a terra do tio Sam em 1995, desde então vendeu mais de 103 MILHÕES de unidades até o encerramento da produção em 2006.

103 milhões de pessoas se divertiram pra cacete com esse magnifico console, e você não pode ficar fora dessa.

Então confira alguns motivos pelo qual você pode desembolsar seu suado dinheiro, e comprar um console que irá marcar sua vida.

Me acompanhe!


Hoje em dia comprar consoles antigos é uma tarefa fácil, principalmente porquê diversas pessoas estão abrindo espaço para consoles novos. Talvez o maior problema consista nos valores, pois alguns acreditam ficaram ricos com seus videogames antigos.

Não estou dizendo que você vai pagar 5.000r$ em um PlayStation, talvez em um Nes ou Super Nes, mas nunca em um PS1.


Você encontrará Playstations pelo Mercado Livre até por 100r$, se filtrar melhor, tu consegue pagar até menos, basta ter empenho meu caro amigo.




Uma das maiores vantagens de se possuir um PlayStation, é que você gasta muito pouco com manutenção. 

Você compra um leitor novo pela bagatela de 40r$ ou menos, lembra daquele empenho em buscar pelo ML? 

De resto você precisa de cotonetes, mãos leves e um liquido cujo nome não recordo, mas é ótimo para limpar lentes. Claro, não esqueça de limpar a carcaça do bicho, deixá-lo com aquele cheirinho de limão (Quê, eu adoro cheiro de limão).

Mais uma vez você pode conferir um tutorial bacana, feito pelo meu brother Willi, basta clica aqui.


Um dos controles que fez melhor uso do analógico, outros consoles tiveram seus modelos inspirados nele.

Considero esse joystick uma versão melhorada daquele criado para o Super Nintendo, com o acréscimo de dois botões a mais na defesa. Tempos depois, foram inseridos os dois analógicos, que por sinal, marcou a forma como jogavamos naqueles tempos.

Thanks Sony!



O PlayStation possui uma biblioteca de games tão maravilhosa quanto a Nintendo, não fica devendo nada.  Algumas boas franquias começaram por aqui, então não seja um idiota, se desprenda do seu preconceito contra o PlayStation.

Parou de resmungar? Ótimo!

Apesar das franquias awesome terem ganhado os consoles atuais, irei abordar títulos que considero bons mas que não são muito conhecido, porém esse primeiro titulo é mais conhecido que moeda de 1 real.



Resident Evil é considerado como precursor do gênero survival horror. Gênero esse que me assusta pra diabos e me afasta de games como Outlast, Silent Hill, Alone in The Dark e etc...

Não me olhe assim, eu tenho o Silent Hill Shattered Memories, só não nasceu coragem para jogá-lo - Se ajuda, eu jogo Dead Space, mas nunca sozinho por precaução.

Estou falando de um clássico absoluto da Sony e que é um game que todo amante de jogos deve jogar pelo menos uma vez na vida.

Claro, ele ganhou um remake M A R A V I L H O S O no Game Cube, mas não se deixe levar pelos gráficos, deixa isso para os mais jovens meu filho.





Enquanto uma parte do mundo estava histérico por causa dos possíveis estragos que o bug Y2K poderia causar na passagem de ano, milhares de gamers estavam curtindo Syphon Filter, um dos melhores games lançados no ano de 1999.

E mesmo depois de ter sobrevivido a passagem de ano, o titulo recebeu mais dois jogos (ótimos por sinal), então nada mais justo do que você conhecer ou reviver esse grande exclusivo da Sony em seu Playstation.


Pandemônium 2 não é um game muito conhecido, mas isso não muda o fato de que ele é um puta jogão e um motivo pelo qual você deve tê-lo.

No game  você pode escolher entre Nikki, uma bela aprendiz de feiticeira e Fargus, um bobo da corte provavelmente viciado em alucinógenos.  E sua missão consiste em chegar primeiro ao local da queda de um meteoro mágico, antes do vilão do jogo.

Se prepare para um game desafiador e embalado por uma trilha sonora que vai grudar em seu crânio de tão boa.  Esse game me marcou muito quando jovem e até os dias de hoje eu o jogo no meu PlayStation quando bate saudade.

Vale a pena conferir o primeiro titulo também, mas esse segundo é bem superior em tudo ao seu antecessor.



Apesar de não ser exclusivo do Playstation, pois o Dreamcast, N64 e PC também receberam suas versões, Nightmare Creatures II vale a pena  ter em sua biblioteca.

Aqui você controla Wallace, um dos pacientes do Dr. Adam Crowley vilão do game anterior e claro, o culpado das merdas que rola nesse também. Aqui tu confere um hack´n slash muito bacana e bem violento.


Wallace pode finalizar todos os inimigos com seu machado e cada grupo recebe uma finalização diferente. Não há muita variação de inimigos, mas isso não torna menos divertido esquartejá-los em um acesso de fúria.

A trilha sonora de abertura é assinada por Rob Zombie, motivo pelo qual eu gostei muito mais do game e provavelmente você também pode curtir.




Um dos meus samurais preferidos e que provavelmente também vai conquistá-lo nesse ótimo adventure rpg, que foi lançado no ano de 1998 pela Squaresoft.

Aqui temos o garoto Musashi, samurai com a missão de salvar o mundo do mago da escuridão. Apesar do enredo simples e design criado para atrair a criançada, ele vai ganhando corpo conforme se avança na história e logo você vê apesar de não ser um Final Fantasy, ele cumpre seu papel.

Esse é um game que vai garantir horas de diversão e que em minha opinião não deveria faltar em nenhum playstation. Ele recebeu uma continuação (ou sucessor espiritual) para o PS2, mas que nunca joguei ou tive vontade de o fazer. 

O playstation tem muitos jogados ótimos, além dos que citei existem os grandes nomes que são referencia da Sony, como os jogos Metal Gear Solid, Final Fantasy VII, Crash Bandicoot, Parasite Eve 1 & 2, Dino Crisis, Twisted Metal, são milhares de clássicos e os apresentados são apenas a degustação.



O Playstation é um dos consoles mais fodas que surgiu nos anos 90. E graças a ele o mercado de games foi evoluindo e assim surgiram diversos consoles utilizando  discos. A Sega apareceu com seu Sega Saturn e a Nintendo... bem, com seu Nintendo 64 que manteve o cartucho, mas que entrou para briga sem medo.

Não sei deixe levar pela propaganda da SONY alfinetando a Nintendo, isso é apenas negócios entre eles.

Eu nunca irei dizer que tal console é melhor que outro, pois cada um deles conseguiu agraciar a nós gamers com clássicos e franquias que até hoje se mantêm de pé. Então, deixe esse preconceito de lado e conheça o que cada uma das empresas tem a oferecer. 

Eu possuo um Playstation e digo que é ótimo jogar esses grandes clássicos no console original. Sei que a emulação é uma ótima alternativa na ausência do console, mas se você pode adquirir esse videogame porreta, então o faça, pois não vai se arrepender, pois jogar no console original é outra experiência.

Espero que tenham gostado das dicas e até a próxima.

Bora Jogar: Mortal Kombat II



Faz muito tempo que não mexo com gameplays e os motivos pelo qual o deixei de fazê-lo são diversos, porém, eu me divertia e as pessoas mais próximas de mim, seja lá qual o motivo aparentemente gostavam de ver minhas partidas.

Bem, resolvi voltar e o game escolhido é Mortal Kombat II, um game que marcou minha infância. 


Espero que gostem.

23/06/2014

The Mansion of Hidden Souls - Conversando com fantasmas no Sega Saturn!


Há muitos anos atrás, em tempos que pesava 68 Kg e meu objetivo era trabalhar jogando videogames, meu pai resolveu comprar um Sega Saturn para meu irmão e eu. O que nos rendeu finais de semanas regados a muito Daytona USA com a família e diversas idas a videolocadora aos finais de semanas.

Em uma dessas idas, eu topei com esse game que tinha uma borboleta e na contra capa algumas cabeças voadoras.  Fiquei impressionado com aqueles gráficos realistas (hahaha, bons tempos) e pedi a meu pai que levasse.

Com o game em mãos, fui obrigado a tirar o dicionário de inglês da mochila e passar o final de traduzindo os diálogos, só para entender o que diabos estava acontecendo.

O game conta a história dos irmãos Samantha e Jonathan, que ao se deparar com uma borboleta, acabam se separando... Na realidade é Samantha que age feito uma doida varrida ao ver a borboleta e corre atrás.
Provavelmente ela não saia muito de casa e o único inseto voadora que ela tivera contato, era uma barata voadora.

Só divagando.

Samantha persegue a borboleta até uma mansão, que como qualquer outra é devidamente assombrada - Isso é uma regra, e não importa o que digam “TODAS AS MANSÕES SÂO ASSOMBRADAS!”.


Em todo o caminho, Jonathan alertava sua irmã dos riscos de seguir a borboleta, visto que a lenda local explicava que fantasmas se transformavam no inseto e tentava atrair jovens para a mansão, a fim de aprisioná-los.

Como podem ter percebido, resta a Jonathan adentrar a mansão e salvar sua irmã, antes que ela se torne um dos fantasmas residentes.



Os gráficos são ótimos, ao menos para EU, que na época não tinha tido contato com nada 3D naqueles tempos. Então, aquilo era um prato cheio aos olhos, mas hoje em dia ele envelheceu bastante.

O game é todo ambientado em 3D e com visão em primeira pessoa, o que torna tudo bem atraente, já que os objetos são bem modelados, para os padrões da época.
O hall de entrada me lembrou muito o de Resident Evil, assim como alguns efeitos de som presente no jogo. Detalhe, Mansion of Hidden Souls foi lançado em 1995, enquanto RE foi lançado no ano seguinte.

Essa sala me lembra algo!

Há inúmeros puzzles para serem resolvidos e sua resolução depende dos diálogos, que são essenciais para seguir adiante no jogo, pois algumas almas procuram objetos e para isso, você vai precisa entender um pouco.

A trilha sonora é muito bacana, que apesar de não ser tão marcante, ela consegue embalar perfeitamente o game.

Os fantasmas são o ponto forte do game, pois cada um tem sua história e é interessante. O problema fica por conta da sincronia da dublagem, que é relaxada, bem aos moldes das dublagens de filmes de kung fu, que rolava nos anos 90.


Porém, esse detalhe não torna o jogo ruim e sua história é o suficiente para entreter e até mesmo proporcionar um surpreendente final. Então, se esta pensando em jogar algo diferente no seu Sega Saturn/ Sega CD (ou emulador), não perca tempo e jogue mais esse clássico da Sega, pois vale a pena.

11/06/2014

Carlito e seu Europop Mexicano!


No ano de 2012 um amigo resolveu dividir o aluguel comigo, e naquele tempo em meio a jogatinas de SKYRIM e episódios de South Park, ele me mostrou o AMV de uma musica chamada "Carlitos". O vídeo consistia em personagens femininos com bigodes mexicanos, dançando ao lado de cactos dançantes enquanto repetiam a exaustão o nome "Carlito, Carlito".

Fiquei dias e dias com esse refrão martelando em minha cabeça, então pensei "Oras, quem diabos criou essa musica?" e fui atrás do criador dessa dance music chiclete. Para minha surpresa, o artista é sueco e não se chama Carlito. Seu nome é Jonny Jakobsen, Carlito é apenas um de seus personagens. Mas antes de falar sobre eles, conheceremos um pouco de sua história.

Antes de Carlito ser concebido, Jonny Jakobsen se chamava Johnny Moonshine e até lançou um álbum de musica country intitulado de "Johnny Moonshine & The Moonshine Band" em 1995, mas o projeto acabou não seguindo adiante devido a complicações, então Jacobsen partiu para o euro pop que naquele momento tinha uma cenário musical forte.



Então nascia Dr. Bombay, um taxista cantor da cidade de Calcutá, que aprontava altas confusões em seus videoclipes e claro, todas as letras são o dia-a-dia desse taxista desastrado e que já teve sua família raptada por um tigre.

Tigre bobo!

As musicas são extremamente pegajosas, e não é a toa que se enquadra no gênero bubblegum pop, que por sinal eu nem conhecia, mas que explica muita coisa.

Uma curiosidade bacana sobre o personagem, é que algumas de suas musicas apareceram no game Samba de Amigo do (Que Deus o tenha) Dreamcast e no dançante Beatmania IIDX do Arcade


É preciso admitir que os videoclipes dos anos 90 ainda são divertidos, uma pena que é tão difícil acha-los com uma qualidade de 480p. Talvez seja a musica falando por mim, depois de ter dominado meu cérebro... quem sabe?

Há que considere a musica de Jakobsen um tanto racista e estereotipada, mas isso não impediu de alcançar certa popularidade na Índia, onde quase levou processo nas costas, mas as autoridade acabaram deixando de lado, visto que ele era apenas chato.

E no ano de 2000 nasceu o escocês Dr. Macdoo, primo distante do indiano Dr. Bombay, ao menos essa é a origem contada por Jacobsen.


Dr. Macdoo não caiu muito no gosto do público, mesmo mantendo o tom satírico, as musicas não pegaram. O videoclipe gerados para o álbum "Under The Kilt" eram engraçados, mas infelizmente as composições não gerou grandes hits e acabou por não agradar os fãs antigos.

Claro, continuava sendo uma paródia étnica, mas talvez um pouco mais forçada e sofrível do que seu antecessor. 


Dr. MacDoo ele alcançou um pequeno público na Suécia, mas os fãs de Dr. Bombay não compreendiam o porque da mudança de personagem. Logo o personagem deixaria de existir para no ano de 2006 dar lugar ao seu último personagem (por enquanto) Carlitos.

Jakobsen não caracterizado.
Carlito é um cantor mexicano apaixonado por Carlita e como os pseudônimos anteriores suas letras são baseadas no dia-a-dia do personagem. Todas as suas músicas possuem um refrão extremamente fácil e pegajoso. Posso dizer que Jakobsen reformulou toda a ideia do som que fazia anteriormente. A adição dos vocais femininos de Carlita trouxe uma pegada dance moderna e que caiu no gosto do povo.

Eu ouvi o primeiro álbum do Carlito "Fiesta" e senti como se meus ouvidos e pensamentos tivessem sido possuídos. 

A MÚSICA NÃO QUERIA SAIR DA CABEÇA!

Lembram quando Vengaboys lançou seu hit "Boom Boom Boom Boom"? É mil vezes mais grudenta!

Há quem odeie o Carlito ou qualquer outro personagem, principalmente algumas pessoas do fórum The Bore, ao menos em 2008 eles o odiavam, haha!

Eu não considero esse tipo de musica ruim, diferente do funk carioca, esse sim é uma grande merda. O gênero bubblegum dance é dançante e extremamente alegre e as crianças provavelmente curtiram bastante.

Oras, mas você não acredita? Então assista o videoclipe abaixo e se delicie com seus pensamentos sendo tomados pelo Carlito. 

Faça o teste, mas não recomendo aos mini adultos, eles estão ocupados louvando algum satã...mini adultos me dão medo!


Mas com Carlito as coisas deram certas, então nada de abandonar o sombreiro, pois o sucesso foi tanto (principalmente no Japão) que surgiu o segundo álbum "Wild World!" em 2007.

Todas as letras são criadas a partir da perspectiva do personagem nos países que estão visitando... ou seja, tudo em primeira pessoa. Não que isso importe, mas oras, achei que seria importante... não? Ah, wherever!


A qualidade de produção continua indiscutível e dessa vez eu recomendo você deixar um martelo ao lado quando for ouvir, pois será essencial para você despregar a musica da cabeça.

Acho importante dizer que apesar de ser um gênero diferente do que gosto de ouvir, a ideia comercial por trás de tudo isso é fascinante. O personagem foi criado com o intuito de fazer piada e sucesso, e o filho da mãe conseguiu. Seu maior público esta no Japão, e apesar de restrito a alguns países, Jakobsen faz um ótimo trabalho.

Antes de encerrar, deixo com vocês o vídeo de Carlitos visitando a mãe Russia na música "Russkij Pusskij".



Atualmente Jakobsen faz alguns shows, mas não há muito informação a respeito de um novo álbum ou projeto. Espero que esse sueco doidão não abandone o sombreiro e ressurja com algo novo.

Espero que tenham gostado e até a próxima, Ai, Caramba!

05/06/2014

WATCH DOGS: Ubisoft que jogo é esse ?

Por: Leonardo Marreira




Eae galera, belezinha? Sou o Leonardo, amigo do Woo, sim, sou o cara que escreveu sobre Breaking Bad

Calma, hoje vou falar sobre um tal de Watch Dogs, jogo esse que vem chamando muita a atenção dos gamers.  E que fora anunciado pela poderosa Ubisoft  na E3 do ano passado, com o intuito de bater de frente com GTA V

O primeiro trailer do jogo a ser exibido na E3 foi impressionante devido aos gráficos, jogabilidade, e a possibilidade de interagir com tudo no cenário, incrível!

E a pergunta de todos "QUAL A DATA DE LANÇAMENTO?", pois depois de um teaser animal, todas estávamos ansiosos. Fora divulgado a data para o final do ano passado, e nesse intervalo da E3, diversos teasers e trailers surgiram no intuito de instigar cada vez mais. 

Então, Ubisoft libera uma nota em seu Facebook, dizendo que o jogo ia ser adiado "PORQUE ?". Segundo eles, o adiamento serve para trazer melhorias e tornar a estrutura do jogo o mais realista o possível

Ta, OK, quer melhorar, beleza, mas nós gamers esperamos e então chegou o mês de lançamento. Eu estava super ansioso, e faltando um dia paro o lançamento, descobri enquanto conversa com o Woo sobre o game, ele me diz que já havia sido lançado. Então ele meus olhos brilharam e corri comprar o jogo.

Ao chegar em casa todo feliz,  fui direto para o Xbox360 e coloquei o primeiro DVD de instalação, que por sinal demora muito para concluir, kkkk! Então, é chegado a hora de jogar.



Primeira fase, uma pequena introdução, tudo OK! Então, veio o mundo aberto e a minha primeira reação foi QUE PORRA É ESSA! Não estava acreditando no que estava a minha frente -  Na moral, o jogo é todo borrado, semelhante a alguns um Mod do Gta 4.

Na moral, até parece que é um jogo de 2008, kkkk!

Completou uma semana que comprei o jogo e não me senti estimulado a jogar mais. Como pode a Ubisoft, uma empresa com tantos títulos fodásticos (Como FarCry 3, que sou fã), fazer um jogo que aparentava ser tão bom, se tornar uma merda. 

Agora o jogo pra PS4 e XboxOne são maravilhosos, lindo, tudo aparentemente perfeito, acho que a Ubisoft, pensa que todos nós temos condições de investir e um console tão caro. 

Eu particularmente não tenho, mas espero que os próximos jogos lançados, não sejam um Watch Dogs, entenderam? kkk!

Espero levar minha indignação até a Ubisoft, pois sei que não sou o unico revoltado com o jogo.

Falow galera!


Obs: O Leonardo é leitor e enviou seu desabafo para o blog, se você quiser, também pode participar, envie sua review de game, filmes, livros ou desabafos para o email arquivosdowoo@hotmail.com
Postagens mais antigas → Início